OUTUBRO1-001

Frida, a heroína de quatro patas

A cadela da raça Labrador ajudou os socorristas da Marinha a resgatar vítimas dos terremotos  ocorridos no México

Semar MXEm tempos de notícias chocantes sobre o aumento da violência, muitos podem dizer que tais  pessoas  agem feito animais, mas essa fala seria uma ofensa aos animais, não concorda?

Sempre trazemos histórias de amor, afeto, amizade ou superação envolvendo nossos amigos de quatro patas. Essa é a história de Frida, uma verdadeira heroína.

Tragédias acontecem, nesse momento toda a solidariedade e ajuda são bem-vindas. O México sofreu dois terremotos de grande magnitude com apenas 10 dias de diferença, enquanto ainda se recuperava do maior terremoto em 85 anos, com magnitude de 8,2, veio mais um, de magnitude 7,1. Além da capital, outros estados sentiram os efeitos de um tremor dessa escala (confira no final da matéria uma tabela explicativa sobre a escala Richter).

OUTUBRO

Na Cidade do México, a capital, prédios desabaram, incluindo duas escolas, milhares de pessoas ficaram sem energia, havia risco de vazamento de gás. Um verdadeiro caos. O povo mexicano se uniu para ajudar na busca de sobreviventes em meio aos escombros, em doações para aqueles que perderam seus tetos, no tratamento às vítimas. Centenas de pessoas perderam suas vidas, mas o número poderia ter sido maior, se tantas pessoas não fossem resgatadas a tempo.

Desde filhote, Frida (agora com 8 anos) foi treinada pelas Unidade Canina da Marinha do México, para resgatar vítimas de desastres naturais.

Foto_AFP Photo_Johan OrdonezEla também participou em operações de resgate em Honduras, Guatemala e Equador.

Nos dois terremotos que aconteceram em setembro último, no México, a labradora desempenhou um importante papel, juntamente com outros cães que auxiliaram as equipes na busca de pessoas soterradas nos escombros.

Até sua vestimenta é própria para a tarefa: um visor que protege seus olhos da fumaça, pó ou outras substâncias perigosas, uma coleira peitoral e Sem títulobotas especiais para que os objetos pontiagudos ou cortantes dos escombros não machuquem suas patas.

Na Cidade do México, a labradora ajudou a resgatar várias crianças que ficaram sob os escombros do Colégio Enrique Rebsamen, sendo que onze crianças foram encontradas vivas, infelizmente muitas outras encontradas já estavam sem vida.

Frida  tornou-se um sifrida 2mbolo nestes tempos de tragédia, conquistou o coração dos mexicanos e foi até parar em programa de TV.

Fontes: El pais

                Excelsior TV – México

Para entender a magnitude dos terremotos:

tabela terremoto

Related News

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Todos os direitos reservados Jornal SuperaBR